Get the Flash Player to see this player.

Busca

Associe-se

Associe-se

Voce sabia que..

Newsletter

Cartilha SECOVI

Área Restrita

Enquete

O que você mais considera para contratar uma administradora?
 

RSS - Secovi DF

feed-image Notícias
PL do Corretor Associado é aprovado no Senado PDF Imprimir E-mail

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) comemorou, juntamente, com a Federação Nacional dos Corretores de Imóveis (FENACI) e representantes de associações e sindicatos da área de habitação a aprovação, esta semana no Plenário do Senado Federal, do projeto (PLC 96/14) que disciplina a associação entre Corretores de Imóveis e Imobiliárias.

A proposta permite a associação entre o Corretor de Imóveis e as Imobiliárias num contrato de trabalho firmado sem vínculo empregatício formal, passando a existir, assim,  a figura do Corretor de Imóveis Associado.

O texto do Projeto de Lei da Câmara (PLC 96/14) modifica a Lei 6.530/78, que regulamenta a profissão do Corretor de Imóveis. O profissional poderá se associar a imobiliárias, sem os requisitos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), mantendo a sua autonomia profissional, sem qualquer outro vínculo, inclusive empregatício e previdenciário.

Leia mais...
 
SECOVI/DF INFORMA: ADESÃO AO SIMPLES NACIONAL PDF Imprimir E-mail

O Sindicato da Habitação do Distrito Federal (SECOVI/DF) informa que as empresas do ramo imobiliário autorizadas pela Lei Complementar nº. 147/14 a aderirem ao Simples Nacional, só poderão fazer o agendamento para adesão a este regime tributário em janeiro de 2015.

Segundo a Secretaria-Executiva do Comitê Gestor do Simples Nacional, a solicitação de opção poderá ser feita até o dia 30/01/2015.

O SECOVI/DF alerta os empresários que avaliem a possibilidade de optarem ao novo regime tributário para o próximo ano-calendário.

Leia mais...
 
Mercado imobiliário prevê crescimento para 2015 PDF Imprimir E-mail

O setor imobiliário brasileiro ganhará novo fôlego em 2015 impulsionado pelo crescimento de 10% nas concessões de crédito, além de fatores como aumento do salário mínimo, confiança do consumidor e novas unidades do programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal. A realização da Olimpíada no Rio de Janeiro em 2016, também, deverá impulsionar o mercado durante todo o ano, principalmente através de investimentos estrangeiros e da criação de postos de trabalho no período. Apesar do aumento de 0,5% na taxa básica de juros da economia, as vendas de imóveis devem continuar em ritmo acelerado.

De acordo com estimativas da Imoconnect (Imobiliárias Conectadas), empresa que desenvolve tecnologias para o mercado imobiliário e que possui uma rede de corretores autônomos e imobiliárias licenciadas no Brasil, o momento é favorável. O setor fechará 2014 com participação de 9% do Produto Interno Bruto (PIB), totalizando R$ 200 bilhões em financiamentos. O montante é 10% maior do que os valores registrados no ano passado, segundo dados da Caixa Econômica Federal. Para 2015, a expectativa é um novo crescimento de 10%.

Leia mais...
 
9º Salão WImóveis movimenta R$50 milhões no DF PDF Imprimir E-mail

No último final de semana, aconteceu a 9ª edição do Salão WImóveis.  Durante os três dias de evento foram comercializadas diversas unidades, entre imóveis comerciais e residenciais, totalizando R$ 16 milhões em vendas.  Segundo os organizadores, mais de oito mil pessoas visitaram o Salão.

O evento realizou, pela primeira vez, uma licitação da Companhia Imobiliária de Brasília (TERRACAP). Foram recebidas 125 propostas e vendidos 50 dos 137 lotes colocados à disposição, totalizando R$ 34 milhões.

O Diretor Comercial do portal WImóveis, Marcelo Ramos, comemorou o sucesso do evento. “Além das unidades já comercializadas, outros 207 imóveis foram reservados. Até o final de dezembro, acredito que movimentaremos mais R$ 110 milhões em vendas”, afirmou.

O Salão colocou à disposição dos visitantes mais de 10 mil imóveis comerciais e residenciais, com preços que variam de R$ 85 mil a R$ 8,4 milhões. Participaram do evento, mais de 30 expositores, entre imobiliárias, incorporadoras, construtoras, entidades representativas do setor e instituições financeiras.

Leia mais...
 
Mercado imobiliário deve fechar o ano com 9% do PIB PDF Imprimir E-mail

O vice-presidente de Habitação da Caixa Econômica Federal, José Urbano Duarte, afirmou que o mercado imobiliário brasileiro deve fechar o ano de 2014 com uma participação de 9% do Produto Interno Bruto (PIB).

Na Caixa Econômica Federal, o crédito imobiliário fechará 2014 com R$ 140 bilhões em empréstimos e uma previsão de R$ 200 bilhões. Esse montante representa crescimento de 10% sobre o financiado em 2013.
Para 2015, o vice-presidente de Habitação da Caixa estima crescimento de 10%. “Do ponto de vista do mercado, há razões para assegurar o crescimento em 2015”, afirmou. Duarte citou como fontes de recursos o FGTS, que irá destinar R$ 42 bilhões para o crédito imobiliário e a poupança. Em 2014, o investimento do FGTS foi de R$ 37 bilhões.
Leia mais...
 

SDS Bloco "A" Nº 44, Centro Comercial Boulevard salas 422 e 424 CEP: 70.391-900 Brasília - DF Tels: 61 3321-4444 / 3322-2139 / 3225-0899